Com dificuldade em gerir seus transportes? Veja como uma startup quer resolver

Com dificuldade em gerir seus transportes? Veja como uma startup quer resolver

Sabia que a logística é um dos maiores mercados brasileiros? Nosso país gasta o equivalente a 12,7% do seu PIB no setor, de armazenamento até transporte.

E a Cobli é uma das startups de olho nesse mercado, a startup leva produtividade para o transporte por meio de hardware e software, e usará os recursos para desenvolvimento de produto e para contratações.

A startup tem três frentes de atuação: hardware, software e análise de dados. Ela instala sensores e câmeras nos veículos comerciais e por meio de internet das coisas (IoT), as informações coletadas são armazenadas em um software de computação na nuvem.

Essas informações são processadas e conectadas a outros bancos de dados, gerando dados de valor às empresas atendidas. Os dados podem ser acessados por aplicativo, e-mail ou site. As empresas pagam uma mensalidade que fica abaixo de R$ 100 por veículo.

O primeiro investimento recebido pela Cobli foi um aporte série A de US$ 10 milhões. O aporte série B de R$ 175 milhões será usado para desenvolvimento de produto e para contratações. A Cobli pretende evoluir seus sensores e câmeras e capturar ainda mais dados.

Em longo prazo, a Cobli pensa em expandir para o resto da América Latina, ampliando o mercado de 10 milhões de veículos comerciais para cerca de 27 milhões deles, segundo o cofundador da startup. O plano deve começar apenas a partir de 2023 – até lá, o foco está completamente em levar mais produtividade às frotas brasileiras.

Saiba como podemos ajudar você e sua empresa!

Entre em contato conosco e descubra.