O que é fintech e como ela está revolucionando o mercado financeiro?

O que é fintech e como ela está revolucionando o mercado financeiro?

Muitas pessoas tem dificuldades em entender o que é fintech.

Alguns imaginam que é apenas uma palavra que tem o mesmo significado de banco e isso não é verdade.

Muitas mudanças estão acontecendo no mundo e uma delas é com relação ao mercado financeiro.

As fintechs, diferente do que muitos pensam, não são bancos, mas vem ganhando espaço nesse mercado.

Quem não se lembra das dificuldades e dos processos burocráticos exigidos pelos bancos para realizar qualquer operação financeira?

Além do tempo que precisava ser reservado para ser atendido, geralmente em horário muito ruim para quem trabalha, o volume de exigências e a quantidade de documentos desanimava qualquer empreendedor a buscar recursos para melhorar seus negócios.

Esse tempo passou e hoje as fintechs são uma realidade no Brasil, trazendo uma nova visão e apresentando soluções diferenciadas que vem conquistando cada vez mais pessoas e empresas.

Nesse artigo vamos apresentar o que é fintech e como esse modelo está revolucionando o mercado financeiro. Continue lendo e confira!

O que é fintech?

 

O termo fintech surgiu da união das palavras financial (financeiro) e technology (tecnologia).

Ele serve para identificar empresas especializadas em oferecer ao mercado produtos e soluções segmentadas que até então só eram encontradas nos bancos.

Além disso, são startups que têm por objetivo a inovação, otimização e oferta de soluções financeiras simplificadas para o mercado.

Muitas vezes confundida com os bancos, a fintech possui grandes diferenciais.

Seus custos são menores, pois são especialistas em determinados produtos e serviços, o que acaba refletindo nas taxas cobradas junto a seus clientes.

São ágeis e utilizam a tecnologia como ferramenta de apoio nas transações, desburocratizando os processos e tornando as operações mais rápidas e simples.

O fato é que as fintechs vem revolucionando o mercado financeiro e criando uma nova maneira de relacionamento com seus clientes.

Dada a resposta para o que é fintech, vamos conhecer alguns de seus serviços.

Quais serviços que uma fintech pode oferecer?

 

Tal qual um banco, mas com os processos muito mais simples, fáceis e automatizados, as fintechs oferecem serviços que há algum tempo só eram encontrados nas instituições bancárias.

No entanto, as fintechs acabam se especializando em alguns serviços ou áreas, tornando-se especialistas no que fazem e oferecendo ao mercado produtos financeiros diferenciados e segmentados.

Portanto, cada fintech oferece, geralmente, um dos tipos de serviços.

Dentre os serviços encontrados nas fintechs, podemos destacar:

Conta bancária digital

 

As fintechs oferecem contas bancárias digitais, onde todos os procedimentos normais com relação às operações financeiras podem ser realizados, como:

  • depósitos,
  • transferências,
  • pagamentos,
  • consultas de saldo e extratos,
  • entre outros.

O diferencial é que toda a operação é realizada através da internet, o que diminui custos para o banco e para seus clientes.

Algumas contas são, inclusive, gratuitas.

Cartão de crédito

 

O cartão de crédito é outro serviço que as fintechs disponibilizam.

Diferente dos bancos, não existe anuidade ou as taxas são mais baixas.

Além disso, o gerenciamento das contas e disponibilidade das informações estão à disposição dos clientes através de aplicativos via internet.

Factorings digitais

 

Muitas pessoas, quando perguntam o que é fintech, nem sequer imaginam que serviços de factoring podem ser realizados por essas empresas.

Os empréstimos e antecipação de recebíveis também podem ser oferecidos pelas fintechs, o que acaba sendo uma ferramenta excelente para as empresas que necessitam realizar investimentos ou saldar contas.

Com taxas abaixo das oferecidas pelos bancos, e através de processos ágeis e desburocratizados, as empresas conseguem rapidamente viabilizar recursos para suas operações, sem precisar enfrentar as intermináveis filas e burocracia bancária.

Como a fintech está revolucionando o mercado financeiro?

 

Os grandes diferenciais da fintech, com relação ao banco, estão no formato de atendimento, nas taxas e custos menores, nas facilidades de comunicação e nas possibilidades existentes para renegociações.

O banco, apesar da modernização que vem sofrendo em termos de tecnologia e atendimento, não consegue acompanhar a agilidade e facilidades oferecidas pela fintech aos clientes.

Isso se dá em função do tamanho das operações e do distanciamento que acaba naturalmente acontecendo entre cliente e instituição.

A grande maioria dos bancos possuem milhões de clientes e não conseguem oferecer a mesma dedicação, cuidado e qualidade que as fintechs disponibilizam ao seu público.

Além disso, por possuírem custos menores, pois a operação basicamente se dá através de canais digitais, e o número de colaboradores envolvidos nos processos ser muito menor do que o dos bancos, os serviços e produtos oferecidos são mais em conta.

As fintechs crescem em todo o país e o mercado adotou esse novo modelo de fazer negócios na área financeira.

A aceitação por parte do mercado é tamanha que o Brasil já é o país com o maior número de fintechs da América Latina.

Se você deseja conhecer ainda mais sobre o assunto, leia também: saiba mais sobre fintech, factoring digital e seus benefícios.

 

(Imagens: divulgação)

 

Saiba como podemos ajudar você e sua empresa!

Entre em contato conosco e descubra.