5 dicas para otimizar a organização do fluxo de caixa

5 dicas para otimizar a organização do fluxo de caixa

Não há como fazer a gestão de uma empresa sem o controle absoluto e detalhado das contas. A organização do fluxo de caixa, nesse sentido, é fundamental, já que permite que o gestor possa tomar decisões baseado na realidade financeira do seu negócio.

Para isso, os controles precisam ser precisos, de fácil entendimento e é necessário contar com uma ferramenta, ou planilha, para registrar e apoiar os registros de movimentação de dinheiro. Esse é o papel do fluxo de caixa.

Infelizmente, muitos empresários ainda não dão a devida atenção a ele.

A falta de cuidado com as contas coloca a gestão do empreendimento em risco, pois, tomar decisões sem as informações necessárias é um caminho muito perigoso.

Para ajudar nesse sentido, vamos apresentar 5 dicas para otimizar a organização do fluxo de caixa. Continue lendo e confira!

Como fazer a organização do fluxo de caixa?

 

O fluxo de caixa é uma ferramenta da área financeira onde ficam registradas todas as entradas e saídas de dinheiro de um empreendimento durante determinado período.

Para fazer esse controle de maneira assertiva é necessário que todas as movimentações sejam apontadas em um software adequado para esse fim ou em uma planilha, independentemente do valor e do objetivo pelo qual o dinheiro foi utilizado.

Além desse registro, alguns cuidados precisam ser observados, como, por exemplo:

1. Detalhe suas saídas

 

Não permita que nenhum valor seja retirado sem a aprovação e registro no fluxo de caixa.

Documente toda a operação e exija o comprovante legal.

É importante detalhar a operação para que se possa recuperar o histórico do processo e saber onde foi gasto o valor.

2. Separe todas as movimentações em categorias

 

Uma forma de organizar o fluxo de caixa é criar categorias para as diversas contas, ou seja, separar as despesas e receitas por tipo de movimentação.

Crie um plano de contas bem detalhado, mas não a ponto de prejudicar o entendimento dos relatórios.

Para isso, agrupe por categorias que sejam relevantes. Isso facilitará as análises e permitirá ao gestor compreender rapidamente de onde vêm determinadas despesas e conhecer as origens de todas as receitas.

3. Busque uma ferramenta de gestão

 

Um sistema de gestão que faça o controle do fluxo de caixa facilita muito toda a operação, em função da integração que pode ser feita com as áreas de contas a pagar e receber, além de vendas e estoque no caso de ferramentas mais robustas.

Todas as previsões de entradas e saídas também podem ser geradas automaticamente pela área de faturamento e de compras, bastando apenas que as despesas e receitas extras sejam lançadas manualmente.

4. Gerencie todas as contas, inclusive, o caixa

 

Muitos gestores gerenciam as contas e esquecem do caixa que também deve ser controlado e registrado.

Principalmente nos negócios familiares ou menores, o caixa é por onde grande parte das receitas e despesas acontecem.

O controle detalhado de toda a movimentação dessa conta também é imprescindível para o sucesso da operação e o real entendimento financeiro a partir do fluxo de caixa.

5. Faça um planejamento a curto e longo prazo

 

A partir da organização do fluxo de caixa é possível desenvolver um planejamento financeiro da empresa de curto e longo prazo.

Nesse plano pode ser incluído investimentos em equipamentos, modernização e capacitação da equipe, visando o crescimento da operação, bem como tetos máximos para cada despesa.

Com uma avaliação do fluxo de caixa fica mais fácil desenvolver um plano de ação para os próximos meses, não esquecendo que, nos momentos de necessidade de capital, é perfeitamente possível e viável contar com a antecipação de recebíveis.

A antecipação de recebíveis é uma maneira prática, fácil, barata e descomplicada de adiantar créditos que sua empresa já possui para manter o equilíbrio das contas nos momentos necessários por taxas muito mais atrativas.

Agora que você já sabe como otimizar a organização do fluxo de caixa, aproveite também para ler o artigo sobre antecipação de recebíveis online: o que é e como funciona?.

 

(Imagens: divulgação)

 

Saiba como podemos ajudar você e sua empresa!

Entre em contato conosco e descubra.